HIIT para Musculação e Hipertrofia

O HIIT e a musculação formam um casamento perfeito para quem pretende emagrecer e ficar com o corpo definido.

Artigo publicado por Marcelo Max nas categorias: Exercícios

O HIIT (High Intensity Interval Training) é um método de exercícios aeróbicos de alta intensidade realizados em pouco tempo, mas com intervalos, o que garante uma alta queima calórica, capaz de deixar qualquer corpo esbelto rapidamente. No entanto, se você fizer apenas o HIIT aliado à alimentação balanceada, poderá perder bastante peso, porém, poderá ficar flácida e apresentar celulites, já que sobrará pele. É aí que entram os treinos de musculação, que também são exercícios de alta intensidade, entretanto, anaeróbicos, o que garantirá a sustentação da sua pele e um corpo definido. Dessa forma, entenda como funciona o HIIT para musculação e hipertrofia:

modelos-de-bermudas-anticelulite

Por Que Não Fazer os Aeróbicos Tradicionais?

É comum entrar em uma academia e ver as pessoas fazerem os exercícios de musculação e logo pularem para a esteira, a bicicleta ou o step, permanecendo nesses locais por mais 30 ou 40 minutos. Esse é o método tradicional e foi criado porque os atletas necessitam de resistência aeróbica e potência muscular, que estão intimamente relacionadas e, por isso, são solicitadas com frequência. No entanto, para nós, meros mortais, quando feitos em conjunto, esses exercícios ficam conhecidos como treinamento concorrente, pois tais atividades causam alterações fisiológicas opostas no nosso corpo, perdendo a especificidade e, assim, os resultados benéficos, sendo que nenhuma das metas é atingida com sucesso.

Por isso, há pessoas que preferem fazer os aeróbicos antes dos treinos de musculação, o que é muito pior, já que eles comprometem o rendimento do corpo na musculação, fatigando prematuramente alguns grupos de músculos, especialmente os das pernas. E como a musculação se torna realmente efetiva somente quando praticada intensivamente, seu corpo não conseguirá alcançar o ápice e, por consequência, você não atingirá o seu objetivo.

Treinamento Aliado: HIIT e Musculação

Por sua vez, quando o HIIT é combinado à musculação, o treinamento se torna aliado porque a efetividade da musculação acontece através de mecanismos parecidos com os dos treinos HIIT, sendo que necessitam da mesma via metabólica, ou seja, da anaeróbica. Portanto, além dessa combinação ser extremamente possível, é a mais indicada para quem pretende definir ou emagrecer, tanto para desenvolver quanto para manter a massa magra. Contudo, só não se esqueça do tempo de recuperação muscular entre os treinos para que não ocorra o overtraining e possíveis lesões. Ou seja, ao adicionarmos o HIIT aos treinos de musculação, os músculos trabalhados necessitarão de um tempo de descanso maior ao utilizado em um treino comum.

Dias Alternados ou No Mesmo Dia?

Na realidade, a combinação entre HIIT e musculação pode ser realizada de 3 formas: no mesmo treino, no mesmo dia em horários diferentes ou em dias alternados. Para saber qual é a melhor para o seu caso, é preciso conhecer as suas particularidades: do tempo disponível, da divisão de séries recomendada pelo seu instrutor, do seu condicionamento físico e do seu principal objetivo. Porém, é preciso ter em mente que é preciso, antes de tudo, encontrar um bom equilíbrio entre o volume, a intensidade, o descanso e a boa execução dos exercícios, contanto que a intensidade seja priorizada, tanto no HIIT quanto na musculação.

Marcelo Max

Autor

Marcelo Max sofreu com anemia por muitos anos e encontrou no bodybuilding uma vida mais saudável e cheia de adrenalina.



Comente!




*Campos obrigatórios